Fique ligado nas novidades do mercado

Inscreva-se em nosso site, todo mês nós vamos te mandar novidades quentinhas sobre design.

Assine

DESIGN E FUTURISMO



Existe um ditado popular muito utilizado que diz que “o futuro é uma caixinha de surpresas”. Porém, vamos discordar um pouquinho dessa frase. Achamos que o futuro está dentro do conceito de ESTACIONARIEDADE. Parece complexo, mas vamos te explicar.


O Economista André Perfeito, em entrevista para o blog TAB, explica o termo estacionariedade de uma maneira tão simples que iremos nos apoderar da sua explicação. André diz que a chance encontrarmos a Dilma Rousseff de cabelo rosa tende a zero, porque, em todas as vezes que nós vimos a presidenta ela nunca esteve de cabelo rosa. Isso é uma relação estacionada, nós formamos um padrão de acontecimentos que nos permitem fazer uma previsão do futuro e dizer que até o final do seu mandato a presidenta não terá cabelo rosa. O que não elimina, claro, o fato de um dia a encontrarmos com o cabelo colorido.


Isso explica de maneira bem simples nosso conceito de futuro: acreditamos que não é possível prever com certeza absoluta, mas juntando fatos e relacionando acontecimentos é possível prever cenários. Nessa altura você deve estar se perguntado o que isso tem a ver com design. E olha, vamos te dizer que tem tudo a ver.


Como você acha que empresas como a Uber, Netflix e tantas outras ganharam destaque tão rapidamente? Utilizando esse conceito. Lembram do post anterior que falamos sobre o design ser um elemento transformador? Aquilo tem tudo a ver com o que estamos falando agora. Afinal, de nada adianta sabermos como será o futuro se não tivermos a ferramenta certa para se antecipar de maneira positiva aos acontecimentos.


Futuristas estimam que em 2020, por exemplo, grande parte da população vai trabalhar de forma autônoma, realizando diversas tarefas esporadicamente, em busca do seu estilo de vida próprio. Em 2025 metade dos Shopping Centers nos EUA irão fechar e em 2030 os tão famosos veículos não tripulados já estarão popularizados. Nossas roupas, calçados e acessórios serão comprados virtualmente e impressos na nossa própria casa através de impressoras 3D residenciais. E isso é apenas o começo.


Essas e muitas outras tendências futuristas vem sendo pesquisadas e analisadas através dos padrões estabelecidos pela sociedade e tem grandes chances de acontecer. Claro que não será da noite para o dia, mas é preciso estar atento e preparado para as mudanças.


Você pode ser uma gigante do turismo e aluguel de casas hoje, mas se não ficar esperto amanhã de manhã surge um AIRbnb e revoluciona todo seu mercado.

O design está inserido em todos esses nichos. Basta você identificar a oportunidade e aplicar um elemento transformador. Sua empresa vai se manter saudável por muito tempo!


VEJA O VÍDEO


  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square
RSS Feed

FIQUE POR DENTRO